Main menu

preço

  • Base de dados do preço do café

    O café tem um histórico no Brasil, visto que desde décadas atrás o mesmo apresenta um impacto na economia do pais, sendo adorado por seus consumidores a ponto de se tornar cultural a ingestão do produto. Pelo devido motivo, as indústrias tornam esse produto competitivo a ponto de ser necessário o controle/análise do seu preço de acordo com inúmeras variáveis.

    Informações sobre a origem dos dados

    A CONAB é uma empresa pública que abrange todo o país, contribuindo para as políticas públicas relacionadas ao abastecimento alimentar do território brasileiro, estando presente em todos os processos anteriores ao cultivo até a chegada do produto na mesa dos consumidores. As informações disponíveis encontram-se na web.

    Nome da Fonte: Preço do café
    Endereço para acesso à fonte: http://sisdep.conab.gov.br/precosiagroweb/

    O processo para se entrar na base de dados descrita é: Acesso ao site da “CONAB”, acesso aos “preços agropecuários”, podendo assim consultar o preço.

    Informações sobre os dados

    Os arquivos contendo os dados podem ser baixados no formato “(XLS)”, e pode ser aberto pelo Microsoft Office Excel ou LibreOffice Calc. Assim como, também
    podem ser recuperadas em pdf caso necessário.
    A planilha é composta por:

    Produto/Unidade – Descrição das variações de café para visualização mais detalhada.

    Nível de comercialização – A forma em como é comercializada.

    U.F – Os estados que o país compõe.

    Data – Todos os dias e meses que o período pedido compõe.

    Visualização dos dados

    Os dados foram moldados graficamente para melhor visualização das informações necessárias, sendo possível analisar de maneira mais dinâmica as curvas do gráfico que indicam declínio ou elevação referente a cada caso.
    Podendo-se comprara variáveis preço com estado por região em diferentes modos de compra e, o preço do produto em questão na região de São Paulo.

    Autores: Fernando Barbosa Ubiali*; Larissa Kiill Gasparoto*; Mariana Ayumi Amano*; Pedro Oliveira Marques*; Rodrigo Coltro Belzer*; Elias Takeshi Tanaka*.

    * Alunos do curso de Administração de Empresas da Universidade Estadual Paulista - "Júlio de Mesquita Filho".

  • Conjunto de Dados Sobre o Preço Médio Mensal Recebido Pelos Produtores de Leite Cru Refrigerado

    O Instituto de Economia Agrícola (IEA) faz parte da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (APTA), sendo um órgão da Secretária de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, e a primeira instituição a dissertar estudos sobre a economia agrícola brasileira.

    O IEA elabora pesquisas em conjunto com a Coordenadoria de assistência Técnica Integral (Caiti) sobre estatísticas de preço, área de produção, salários e entre outros temas. Os dados estatísticos levantados servem de modelo para instituições e são referências para os produtores, varejistas e atacadistas.

    Informações sobre a fonte de dados

    O Instituto de Economia Agrícola disponibiliza uma base que contém dados sobre a agricultura brasileira:
    Portal: Instituto de Economia Agrícola – SP
    Fonte: Banco de Dados
    Link: http://www.iea.sp.gov.br/out/bancodedados.html
    Após o acesso ao site, dirigiu-se a aba denominada Banco de Dados, onde foi escolhido o item ‘Preços Agrícolas’ selecionado o terceiro item, ‘Preços Médios Mensais Recebidos pelos Agricultores’. Depois, foi escolhido o produto ‘Leite Cru Refrigerado’, no período de Janeiro de 2016 até Janeiro de 2017, a partir disso, foi gerada uma tabela na própria página com os dados.

    Informações sobre os dados 

    Os dados foram apresentados em uma planilha no formato.xlsx, contendo as colunas: produto, mês, ano, moeda, preço e unidade. Dentre as variáveis, temos o mês, o ano e o preço.

    O mês e o ano variam de Janeiro/2016 à Janeiro/2017. O preço varia de R$1,03 e R$1,51.

    Visualização dos dados 

    A partir da analise da consulta de preços médios, foi gerado o seguinte gráfico: 

    Gráfico 1 - Preço Médio do Leite Cru de Jan/2016 a Jan/2017

     

    Fonte: Autores

    Com este gráfico é possível analisar a variação do preço do leite no período de um ano. Pode-se ver que o maior preço do leite foi em setembro de 2016 e o menor em fevereiro do mesmo ano e tendo como um preço médio o valor de R$1,26.

    Se for analisado dados mais antigos, pode-se ter uma analogia da época que o leite é mais caro e assim iniciar estudos para saber o real motivo desse aumento. No caso de 2016, percebe-se que o período em que o preço é mais elevado é entre o meio de ano (entre junho e outubro), após essa época o preço começa a cair.

    Autores: Ana Clara Palmieri*, Gabriela Simão*, Giovanna Lorenzi Pinto*, Júlia Maldonado Passos*, Rafaela Mendes*.

    * Alunos do curso de Administração de Empresas da Universidade Estadual Paulista - "Júlio de Mesquita Filho".

  • Dados sobre o indicador de ovos CEPEA – Produto Posto

    O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) é parte do Departamento de Economia, Administração e Sociologia da Escola Superior de Agronomia “Luiz de Queiroz” (Esalq), unidade da Universidade de São Paulo (USP), localizada em Piracicaba. É um grupo de pesquisas registrado no CNPq  Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico).

    O Cepea despende natural ênfase aos temas ligados ao meio rural, mas sem excluir outros setores econômicos com ligações diretas ou indiretas com o  gronegócio. Suas atividades consistem no desenvolvimento de pesquisas aplicadas, na realização de trabalhos inéditos com teor econômico-administrativo e na divulgação ampla dos resultados que obtêm. Ao envolver dezenas de alunos de graduação e pós-graduação, desempenha também o papel de contribuir para a formação desses profissionais.

    Informações sobre a origem dos dados

    O Cepea foi oficialmente criado em 1982 como forma de o Departamento de Economia, Administração e Sociologia Rural da Esalq/USP estabelecer canais mais eficientes para receber as demandas da sociedade e atendê-las por meio de um sistema organizado de prestação de serviços a entidades públicas e privadas.
    Nome da fonte escolhida: Conjunto de dados sobre o indicador de ovos CEPEA – Produto Posto

    Instituição mantenedora: Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea)

    Endereço eletrônico para acesso à fonte: http://www.cepea.esalq.usp.br/br/indicador/ovos.aspx

    O processo de navegação para acesso à base de dados descrita é: Acesso ao site “CEPEA”, acesso ao menu “ovos”, ao submenu “série de preços”.

    Informações sobre os dados

    Os arquivos contendo os dados podem ser baixados no formato “(XLS)” e pode ser aberto pelo Microsoft Office Excel.

    Abaixo são descritos os atributos que compõem a estrutura do conjunto de dados utilizado para gerar a visualização apresentada a seguir:
    Data - Período estipulado pelo registro dos dados (semanal);
    Região - Grande BH (MG), Grande SP (SP) e Rio de Janeiro (RJ). Média semanal de preços de ovos comerciais.

    * Nota: preços de ovos comerciais; caixa com 30 dúzias; à vista, média semanal (CEPEA, 2017).

    Visualização dos dados

    Para apresentar possibilidades de utilização e análise dos dados disponibilizados na fonte descrita, foram elaboradas visualizações que podem permitir ao pesquisador um melhor entendimento das informações obtidas.

    Gráfico 2: Representa a média semanal do preço do ovo em São Paulo (SP).

    Fonte: Autores.

    Gráfico 4: Representa a comparação da média semanal do preço do ovo dos três
    estados: MG, SP e RJ.

    Fonte: Autores.

    Autores: Allan Sene*; Isabela Gomes Ferreira Pedroso*; Jair de Arruda Campos*; Paula Rodrigues Gaspar* e Sofia Souza Guidolin*.

    * Alunos do curso de Administração de Empresas da Universidade Estadual Paulista - "Júlio de Mesquita Filho".

     

     

     

  • Dados sobre preço recebido pelos agricultores (Laranja)

    O Instituto de Economia Agrícola –IEA é um componente da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios –APTA, órgão vinculado à Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo. O IEA foi umas das primeiras instituições a abordar estudos sobre economia agrícola no Brasil, realizando pesquisas e análises, e divulgando conhecimento e informação da agricultura para sociedade.

    O IEA faz o estudo estatísticos de preços, área de produção, mercados florestais, salários, entre outros, sendo realizado em parceria com a Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI), constituídas em fontes para gestão pública e privada. A coleta dos dados estatísticos podem contribuir com instituições, atacadistas, varejistas e produtores.

    Informações sobre a Origem dos Dados

    O IEA disponibiliza uma base de dados contendo dados sobre agricultura.

    Portal

    INSTITUTO DE ECONOMIA AGRICOLA – SP

    Fonte

    Banco de Dados

    Link

    http://www.iea.sp.gov.br/out/bancodedados.html

    Os dados disponíveis no portal utilizados para o desenvolvimento das visualizações foram

    Título: “Preços médios mensais recebidos pelos Agricultores”

    Fonte: http://ciagri.iea.sp.gov.br/nia1/precos_medios.aspx?cod_sis=2

    Parâmetros:

    • Produto: Laranja para mesa

    • Período: JAN/2011 a JAN/2016

    Após realizada a consulta, os dados podem ser baixados em um arquivo no formato CSV (separado por vírgulas), que pode ser manipulado por softwares de planilha eletrônica, como Microsoft Excel ou LibreOffice Calc.

    Informações sobre os dados

    Os dados referentes à consulta “Preços Médios Mensais Recebidos pelos agricultores” possui os seguintes atributos:

    Produto

    Refere-se ao tipo de cultura dos Preços Médios Mensais Recebidos pelos Agricultores.

    Mês

    Refere-se ao período mensal pesquisado, para fazer a análise da variação dentro deste período.

    Ano

    Refere-se ao período anual pesquisado, para fazer a análise da variação dentro deste período.

    Moeda

    Refere-se a moeda estudada em relação aos preços.

    Preço

    Refere-se aos preços tido dentro dos meses.

    Unidade

    Refere-se a unidade de peso do produto (kg, pe, caixa, t, dentre outros).

    Visualização dos dados

    Para demonstrar possíveis visualizações geradas a partir da análise dos dados da consulta “Preços Médios Mensais Recebidos pelos Agricultores”, foi gerada a seguinte visualização:

    Gráfico 1 - representa os preços das laranjas para mesa com peso medido em caixa de 40,8 kg, sendo no eixo vertical (preço) analisado a variação dos preços médios mensais recebidos pelos agricultores, e no eixo horizontal o período de Jan/2011 à Jan/2016. 

    grafico01laranka

    Demais autores: Thais F. Modeneis

    Revisado por Fabio Mosso Moreira

  • Fonte de Dados sobre preço médio de Hortifrutícolas.

    O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA) é parte do Departamento de Economia, Administração e Sociologia (DEAS) da ESALQ/USP, criado por docentes com o intuito de atender às demandas sobre pesquisas e informações nas áreas de economia, administração e ciências sociais. O vínculo com a ESALQ permite que o CEPEA tenha ênfase nas questões associadas aos setores econômicos que possuem ligação direta e indireta com o agronegócio, elaborando indicadores sobre preço de produtos, insumos e serviços.

    Informação sobre a origem dos dados

    No site do CEPEA podem ser encontrados dados sobre preços diários de produtos (Açúcar, Algodão, Arroz, Bezerro, Boi, Café, Citros, Etanol, Frango, Ovos, Hortifrutícolas, Leite, Mandioca, Milho, Soja, Suíno, Trigo); índices de exportação agrícola; dados sobre PIB do Agronegócio brasileiro; dados sobre PIB das Cadeias Agropecuárias; dados sobre PIB agropecuário dos estados de São Paulo e Minas Gerais; dados sobre Economia Florestal e Social; índices de mercado Internacional. Neste site, também é possível acessar, via aba “hortifrutícolas”, o site da HF Brasil, que é parte do CEPEA e reúne pesquisadores dedicados aos aspectos econômicos dos setores de frutas e hortaliças. No site da HF Brasil podem ser acessados conteúdos como: base de dados, vídeos, revista, região, gestão, marketing, radar, sobre nós e contato.

    Nome da Fonte: Preços Médios dos Hortifrutícolas
    Instituição mantenedora: HF Brasil (CEPEA)
    Endereço para acesso: http://www.hfbrasil.org.br/br/banco-de-dados-precos-medios-dos-hortifruticolas.aspx

    Informação sobre os Dados

    Na área de consulta, podem ser acessados dados sobre preços médios dos Hortifrutícolas, optando pelas seguintes culturas: Banana, Batata, Cebola, Cenoura, Citros, Folhosas, Maçã, Mamão, Manga, Melancia, Melão, Tomate e Uva, optando pela região, período e periodicidade dos dados. É possível realizar o download da base de dados no formato “Microsoft Excel (XLS)” após realizar a consulta.

    Os atributos de dados presentes nesta base são:

    Produto: refere-se à cultura selecionada na consulta
    Região: refere-se ao nome da região selecionada na consulta
    Mês: apresenta o número referente ao mês do ano
    Ano: apresenta o ano selecionado na consulta
    Moeda: refere-se à moeda utilizada, no caso o Real
    Unidade: refere-se à unidade de medida associada ao produto selecionado
    Preço: refere-se ao preço pago pela cultura selecionada

    Visualização dos Dados

    Para demonstrar possíveis visualizações geradas a partir da análise dos dados disponibilizados pelo site do HF Brasil, foi elaborado um gráfico apresentando a variação de preço médio pago pela cultura do Alface no período de Jan./2016 até Nov./2016.
    Os parâmetros utilizados para consulta foram:

    Produto: Folhosas (Alface Americana – Atacado; Alface Crespa – Atacado; e Alface Lisa - Atacado)
    Região: São Paulo (capital)
    Periodicidade: Mensal
    Período: Jan./2016 até Nov./2016

    Gráfico 1: Histórico do Preço Médio da Alface Americana (Cx. 18 pés) no Atacado entre Janeiro e Novembro de 2016.

    graph01

    Gráfico 2: Histórico do Preço Médio da Alface Crespa (Cx. 24 pés) no Atacado entre Janeiro e Novembro de 2016.

    graph02

    Gráfico 3: Histórico do Preço Médio da Alface Lisa (Cx. 24 pés) no Atacado entre Janeiro e Novembro de 2016.

    graph03