Main menu


A preocupação com a sustentabilidade levou os proprietários de uma fazenda em Guararapes (SP) , a implantarem ações que colaborem com a preservação ambiental do local.

Conciliar ações que envolvem cuidar do meio ambiente e obter lucros viáveis, em concordância com as leis brasileiras pode ser um forma viável e correta, possibilitando ganhos para o pecuarista e à sociedade.

Para que este processo dê resultados, Anderson Dionísio Alves, fiscal ambiental, cita o caso desta fazenda em Guararapes, onde a coleta de lixo, orgânica e reciclável, e do óleo queimado é realizado de maneira correta, pela prefeitura e empresas especializadas, dando a destinação correta.

Quanto aos animais que morrem na fazenda, estes são enterrados de maneira a zelar para que o local não seja contaminado.

Outra questão, se refere ao reflorestamento, onde a fazenda mantem 13 áreas destinadas à preservação ambiental, priorizando as espécies nativas, como anjico, aroeira, cedro e peroba.

Tal cuidado já proporcionou vários prêmios à fazenda, demonstrando que cuidar do meio ambiente de forma sustentável gera lucros e benefícios a todos.


Veja a matéria na íntegra acessando ao link: G1

A veracidade das informações disponibilizadas nesta página, assim como das imagens e das fotografias, são de inteira responsabilidade das fontes de informação citadas, não refletindo necessariamente a opinião ou o posicionamento do projeto de extensão Competências Digitais para Agricultura Familiar (CoDAF), de seus colaboradores e de instituições vinculadas ao projeto.

Adicionar comentário

Os comentários publicados pelos assinantes não constituem opinião do CoDAF e não são por ele endossados, não constituindo aconselhamento jurídico, financeiro, médico ou profissional de qualquer natureza.


Código de segurança
Atualizar