Main menu


Um estudo realizado pela Embrapa em parceria com o Instituto Internacional de Pesquisa em Políticas Alimentares (IFPRI), vinculado ao Conselho de Pesquisa Agrícola Internacional (CGIAR), analisou os indicadores de Ciência e Tecnologia (C&T) relacionados a recursos humanos, investimento financeiro, produção científica e produção tecnológica das principais instituições públicas que fazem parte do Sistema Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação Agrícola do Brasil.

O trabalho apontou que o Brasil teve um crescimento de 46,3% nos investimentos com pesquisa e desenvolvimento agrícola no período de 2006-2013, com destaque para a Embrapa e Universidades Federais.

O estudo revelou que em 2013 o Brasil foi o país da América Latina com maior investimento, chegando a 1,82% do PIB agropecuário.

Conforme Rosana Guiducci, pesquisadora da Secretaria de Gestão e Desenvolvimento Institucional, os dados do estudo demonstram que "O esforço na formação e incorporação de quadros qualificados observado nas principais instituições de pesquisa pública brasileiras nos anos recentes consolidou a posição de nosso país como o maior sistema de inovação agrícola da América Latina".


Veja a matéria na íntegra acessando ao link: Embrapa

A veracidade das informações disponibilizadas nesta página, assim como das imagens e das fotografias, são de inteira responsabilidade das fontes de informação citadas, não refletindo necessariamente a opinião ou o posicionamento do projeto de extensão Competências Digitais para Agricultura Familiar (CoDAF), de seus colaboradores e de instituições vinculadas ao projeto.

Adicionar comentário

Os comentários publicados pelos assinantes não constituem opinião do CoDAF e não são por ele endossados, não constituindo aconselhamento jurídico, financeiro, médico ou profissional de qualquer natureza.


Código de segurança
Atualizar