Main menu


O Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio cresceu 0,6% em fevereiro e acumula alta de 1,09% nos primeiros dois meses de 2016, segundo dados da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/USP).

A agricultura foi o grande destaque na produção primária (dentro da porteira), em razão da variação de preços que subiram em média 12,5% na comparação com o mesmo período do ano passado.

A elevação dos preços impacta no aumento das receitas dos produtores, e a tendência de crescimento de receita para 2016 no segmento primário, segundo dados da CNA e Cepea/USP, abrange principalmente as seguintes culturas: banana (12,4%), cacau (21,5%), café (10,8%), cana (7,1%), feijão (7,2%), laranja (13%), mandioca (11,5%), milho (36,6%), soja (16,8%), tomate (25,9%) e trigo (17%).


Veja a matéria na íntegra acessando ao link: Canal do Produtor

A veracidade das informações disponibilizadas nesta página, assim como das imagens e das fotografias, são de inteira responsabilidade das fontes de informação citadas, não refletindo necessariamente a opinião ou o posicionamento do projeto de extensão Competências Digitais para Agricultura Familiar (CoDAF), de seus colaboradores e de instituições vinculadas ao projeto.

Adicionar comentário

Os comentários publicados pelos assinantes não constituem opinião do CoDAF e não são por ele endossados, não constituindo aconselhamento jurídico, financeiro, médico ou profissional de qualquer natureza.


Código de segurança
Atualizar