Main menu

O IV Ciclo de Estudos Dados, Informação e Tecnologia (CEDIT) aconteceu no último sábado, 02 de setembro, no auditório Shunji Nishimura da Faculdade de Ciências e Engenharia - UNESP/Tupã. Nesta ocasião foram apresentadas quatro palestras: a primeira palestra intitulada “Fontes de informação na produção cientifica”, foi ministrada pela prof. Ma. Diana Vilas Boas Souto Aleixo, doutoranda em Ciência da Informação pela UNESP de Marília. A palestra teve como objetivo auxiliar os pesquisadores na definição de procedimentos metodológicos, trazendo definições de fontes de dados primárias e secundárias, e, apresentando exemplificações no âmbito tanto do Brasil quanto internacional. Fez um percorrido a partir de fontes de dados definidas segundo pesquisas diversas, durante o desenvolvimento das atividades científicas.

A prof. Ma. Daiane Marcela Piccolo, vinculada à FATEC de Presidente Prudente apresentou a palestra “Gerenciamento de projetos e o papel das tecnologias informacionais”, contextualizando dentro da esfera de projetos, com definições da área e utilizando o guia PMBOK, que abrange um conjunto de ferramentas para apoiar o gerenciamento de projetos. A palestrante apresentou a versatilidade do guia indicando os tipos e tamanhos dos projetos nos quais poderia ser utilizado, e ilustrou o uso o desenvolvimento de uma parte de um projeto de Cultivo de Alface.

A terceira apresentação se intitulou “MIT APP Inventor como instrumento de coleta de dados” exposta pelo prof. Ricardo Costa Rossi, vinculado à ETEC de Novo Horizonte. O palestrante realizou uma descrição desta ferramenta de desenvolvimento de software para aplicativos móveis, indicando como, de um modo  simples, esta pode auxiliar processos de coleta de dados. Apresentou a ferramenta com as vantagens, limitações e potencialidades no uso por pequenas organizações.

A palestra de encerramento foi ministrada pelo doutorando em Ciência da Informação, prof. Me. Fábio Mosso Moreira: “Necessidades informacionais de Pequenos Produtores Rurais e Fontes de Dados Online”. O palestrante contextualizou o agronegócio brasileiro e sua representatividade na economia nacional, passando pelos processos de gestão em propriedades rurais mediante práticas administrativas mas focando as pequenas propriedades, dando ênfase nas necessidades informacionais que têm sido pesquisadas por cientistas de vários países do mundo. Essas necessidades informacionais foram apresentadas mediante uma categorização, quantificando os estudos encontrados em cada uma das categorias identificadas pelo palestrante.

Revisado por: Diana Vilas Boas Souto Aleixo

Adicionar comentário

Os comentários publicados pelos assinantes não constituem opinião do CoDAF e não são por ele endossados, não constituindo aconselhamento jurídico, financeiro, médico ou profissional de qualquer natureza.


Código de segurança
Atualizar